Raio-X - Jornal Novo Tempo
Quarta, 28 Mai 2008 10:51

Raio X

Escrito por

Importância demais, vida de menos – O Brasil está estático diante do caso Isabella. A divulgação para a tragédia familiar e social parece o único no Brasil e no mundo. Realmente é chocante. Mas quantos outros já ocorreram? Quantos ainda vão ocorrer? O Secretário de Segurança Pública do Paraná, por coincidência, um ex-Promotor de Justiça, disse que tudo está muito legal aqui no Paraná. O deputado Zucchi, em pronunciamento na AL citou o fato de que em Chopinzinho, um juiz liberou um facínora para cumprir pena domiciliar. Matou uma empregada doméstica e uma menina de dez anos. Depois, a Polícia teve que reconduzi-lo à cadeia com segurança para não ser linchado pela população revoltada. Em Santa Izabel do Oeste, dois elementos mataram um empresário e num outro caso, mataram uma mulher, na véspera do aniversário. Assaltos ocorrem a todo momento contra pessoas, domicílios, estabelecimentos comerciais e contra o patrimônio público. Quando será dado um basta a tudo isso? Quando realmente teremos justiça para tais fatos? Quando o cidadão que trabalha e sustenta os poderes constituídos neste País (executivo, legislativo, judiciário) terá paz e tranqüilidade para pelo menos fazer o seu trabalho e não ser importunado com más notícias e com a desesperança? Quando não teremos mais crianças abandonadas? Quando o cidadão deixará de ser marginal e virar um ser humano que honre o que diz? Quando o “canetaço” será banido? Quando teremos responsabilidade neste País e deixaremos de ser influenciados pelo poder? Temos que conhecer melhor as pessoas e suas carapuças e talvez diminuam os casos Isabella.... Temos que realmente conhecer as pessoas que muitas vezes se taxam como pessoas.

Lugo vai mexer com Itaipu - Itaipu nada em dinheiro. Todo mundo sabe disso. Os paraguaios dizem que, em parte, é porque tiramos deles uma graninha. Mas isso não é importante aqui. O que importa é que a usina vai construir um prédio de R$ 82 milhões para servir de sede administrativa, em Foz. Foi desenhado pelo escritório de Oscar Niemeyer. É um luxo só. Justamente esse é o problema. O país tem de parar de investir em luxo. Precisamos fazer poupança, pagar as contas, crescer. Gastar tudo isso em um prédio público é um acinte com todos nós. O repórter Dimitri do Valle, da Folha de São Paulo, ouviu a diretoria da empresa e ouviu uma desculpa esfarrapadíssima. Diz a empresa que isso vai trazer economia de combustível, já que as sedes ficarão unidas e ninguém precisará se deslocar. Quanto combustível dá para pagar com R$ 82 milhões? O novo presidente paraguaio promete novidades para o Brasil.

Por falar em Itaipu - A Itaipu anunciou em 2007 um recurso para a ExpoReal, inclusive fazendo parte do pacote publicitário do evento. Porém, até o momento, ninguém viu a cor do dinheiro, pelo menos na sociedade realezense. E olha que já está chegando a hora da II ExpoReal que deve acontecer neste ano de 2008. Uma justificativa para a comunidade seria de bom tamanho.

O aumento de 0,5% na taxa básica de juros - que passou de 11,5% para 11,75% ao ano - provocará uma elevação de quase R$ 3 bilhões na Dívida Mobiliária Federal Interna (em títulos), segundo o secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin. Ao participar de audiência pública na Câmara dos Deputados, ele explicou que o impacto é o efeito da elevação dos juros sobre a parcela da dívida que é corrigida pela taxa Selic e que hoje representa 31% do total do estoque. Augustin, no entanto, não quis fazer avaliações mais detalhadas sobre a decisão do Banco Central na economia.

Câmara deve extinguir reeleição -
Já estão definidos os principais pontos do substitutivo do relator João Paulo Cunha (PT-SP) referente a 38 projetos que tratam de reeleição, na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara. Como quer o presidente Lula, a reeleição acaba e o mandato será ampliado para cinco anos. Isso valerá já a partir de 2010 para presidente. Governadores eleitos em 2006 poderão disputar - por ‘’direito adquirido’’ - a reeleição pela última vez. Os prefeitos a serem eleitos em 2008 também poderão disputar a reeleição em 2012. Será a última reeleição para cargos executivos. Outra mudança importante será a data de posse dos eleitos, hoje fixada em 1º de janeiro. Deverá ser no primeiro sábado do ano, a partir do dia 2.

Justiça determina recolhimento do jornal Notícias do Paraná - O deputado Marcelo Rangel (PPS) conseguiu, pela Justiça, obrigar o governo do Estado a tirar de circulação o jornal Notícias do Paraná. A decisão do pedido de liminar foi dada pela juíza Vanessa Camargo, da 4ª Vara da Fazenda Pública. O deputado entrou com a ação no mês passado baseado na lei federal 5.250 de 1967, que regulamentam a publicação de jornais e informativos, no caso, por se tratar de uma publicação apócrifa, onde os responsáveis não eram identificados. O Notícias do Paraná não possui expediente nem assinatura de repórteres, apenas editorial assinado pelo governo do Paraná.  O parlamentar solicitou a apreensão da publicação e pediu penalidades aos responsáveis pelo jornal.

Pelo menos três prefeitos podem tentar 4º mandato seguido
- A exemplo do prefeito Ronaldo Mota Dias (PR), que está em seu terceiro mandato seguido - duas vezes em São João da Lagoa (MG) e outra em Coração de Jesus (MG) -, outros dois prefeitos podem tentar um quarto mandato consecutivo nas eleições deste ano. O prefeito Dário Berger (PMDB) pode buscar a reeleição em Florianópolis. Porém, antes de ser prefeito da capital catarinense, Berger governou por dois mandatos a vizinha São José (SC) - em 1996, foi eleito com 32.972 votos, e em 2000, com 73.836. Em 2004, elegeu-se no segundo turno em Florianópolis, com 118.644. O outro caso é de Warmillon Fonseca Braga (DEM), que pode tentar a reeleição em Pirapora (MG). Ele se elegeu em 2004 com 16.222 votos. Com a vitória, Braga obteve o terceiro mandato seguido - nas eleições anteriores, foi eleito em outra cidade mineira, Lagoa dos Patos - em 1996, com 1.310 votos, e em 2000, com 1.951. Já Ronaldo Mota Dias governou por dois mandatos o município de São João da Lagoa (MG) - em 1996 e 2000 -, mas, em 2004, se lançou a candidato e foi eleito na vizinha Coração de Jesus (MG). Agora, pode tentar o quarto mandato como prefeito.

Empregos? –
A Rádio Fronteira de Barracão entrevistou há alguns dias um pré-candidato a prefeito que foi apresentado como empresário gerador de empregos há pelo menos dez anos. Algumas pessoas procuraram pela empresa e acabaram descobrindo que está em outra cidade. Até que o empresário candidato bem que tentou montar uma empresa, mas teve vida curta. Aí está uma prova de que a prática é bem diferente do discurso.

Dia do Desafio – Referencial há alguns anos, Realeza mais uma vez não participará do Dia do Desafio, dia em favor da saúde e do esporte. Lembro muito bem de quando o ex-prefeito Neivo Tomazini e sua equipe de Educação e Esportes trabalhavam com as entidades e a sociedade realezense para mobilizar a população e foi neste espírito que se ampliou a estrutura com o Centro Esportivo e o Centro de Saúde que além de belos, atendem satisfatoriamente a população realezense. Porém, o que se conquista, não pode ser enterrado. Muitos municípios querem entrar no Dia do Desafio e não possuem tais condições de estrutura e de organização.

Revista Prêmio Destaques 2007 – O Jornal Novo Tempo, Destaque 2007 na Comarca de Realeza e um dos organizadores do prêmio que valorizou as iniciativas e o empreendedorismo está editando a Revista Jornal Novo Tempo que circulará a partir do dia 07 de maio, quando os organizadores se reúnem para o lançamento da revista. Aguardem!!! Em tempo: Parabéns a todos os Destaques 2007. Os organizadores já estão preparando o Prêmio Destaques 2008!

Nasceu a Giulia – O sócio-diretor do Jornal Novo Tempo, Roberto Jonikaites e sua esposa, Juliana Cherubini Jonikaites, administradora de Empresas e Diretora Financeira do Jornal Novo Tempo estão alegres com a feliz chegada da Giulia, no domingo, 20 de abril. O vovô, então....

Perguntar não ofende – O que dizer sobre “pessoa” que dá moral, fala sobre bons costumes e ao pular a cerca, deixa para o mundo uma vida humana? Que não assume a sua condição de falso ídolo?

Beto Arisi é pré-candidato a prefeito pela oposição em Salgado Filho
Os partidos de oposição de Salgado Filho definiram que o empresário Beto Arisi (PMDB), será candidato a prefeito nas eleições municipais. O lançamento da candidatura e das coligações depende de ratificação das convenções partidárias, previstas para o mês de junho. Beto disputou a eleição a prefeito de 2004, pelo PPS, com o apoio do PMDB, PTB e PT. Nesta disputa ele perdeu para o atual prefeito Amarildo Smaniotto (PP) por uma diferença de 144 votos — 1.661 (52%) a 1.517 (48%). Há cerca de um ano ele se filiou ao PMDB, que já governou o município de 1983 a 1992. Nos próximos dias as lideranças do PMDB, PTB, PPS e PT devem se reunir para definir o nome do pré-candidato à vice-prefeito. O bloco de oposição deve lançar chapa única à Câmara de Vereadores, com 15 candidatos. A intenção é que a chapa tenha nomes de todas as comunidades. Volmar Duarte, do PPS, e Beto Arisi disseram  que a chapa terá vários nomes de pessoas que não tinham vinculação com a política.

Em Santo Antonio do Sudoeste o PMDB vai para as eleições com as administrações do município e do Estado

“O PMDB de Santo Antonio do Sudoeste, vai disputar as eleições municipais, levando as bandeiras da administração do município do prefeito Zelírio Ferrari e do governo do Estado do Paraná, do governador Roberto Requião”. A declaração foi feita pelo empresário Ironi Perón Ferrari, presidente do diretório municipal do PMDB. Com relação às negociações visando às coligações segundo o empresário “começam a acontecer a partir deste momento com a realização de reuniões e um contato mais efetivo entre as lideranças partidárias”, afirmou. O primeiro contato está sendo com os aliados que estiveram juntos nas ultimas eleições e depois não se descarta acordos com outras siglas, que não participaram da administração, mas que de uma certa forma se aproximaram durante todo o processo. Durante o mês de abril, várias reuniões deverão acontecer visando já à indicação de nomes para a disputa eleitoral de 5 de outubro.

Jamal Hadi, coloca seu nome a disposição e entra na disputa pela prefeitura de Santo Antonio do Sudoeste
O secretário de planejamento de prefeitura de Santo Antonio do Sudoeste, Jamal Hadi, poderá vir a ser o candidato a prefeito do PMDB, nas eleições municipais de 05 de outubro de 2008. O próprio secretário informou ao Impacto Online a sua decisão de entrar na disputa, dizendo que a principio estará colocando seu nome a disposição do partido para ser o candidato do PMDB e do grupo político que dá sustentação para a administração do prefeito Zelírio Ferrari. Os comentários de que o nome de Jamal Hadi poderia ingressar na disputa municipal 2008 já corriam há algum tempo. E sinalizavam que ele teria a simpatia do prefeito, de alguns vereadores e várias outras lideranças do grupo. Com esta informação fica cristalizado o que antes eram só boatos de bastidores e propõe a discussão do nome de Jamal Hadi como possível candidato. “No momento atual nós chegamos à conclusão que devíamos colocar o nosso nome como uma alternativa. Me proponho a disputar a eleição não só pensando no PMDB e no grupo político, mas principalmente pensando em Santo Antonio do Sudoeste.Claro que eu tenho o desejo ser prefeito. Mas eu entendo que esse desejo não deve ser apenas meu, de “a” ou de “b”. Esse desejo tem que ser encarado como um desejo do partido e do grupo como um todo” disse Jamal.

Ampére já está com candidaturas definidas
O PDT de Ampere decidiu pelo lançamento da pré-candidatura a prefeito de Hélio Alves, presidente da Acamsop-13.
Nos próximos dias Ildo Marchiori deve se licenciar do cargo de diretor do Departamento Municipal de Saúde de Ampére, para a disputa eleitoral. Ildo, juntamente com o advogado Nereu Perondi, são pré-candidatos a prefeito pelo PMDB.
Também figuram como pré-candidatos a prefeito de Ampere o representante comercial Dari Follmann (PPS), o advogado Flávio Penso (PP) e o contabilista Rui Luquini (DEM).
Várias entidades de Ampere, estavam trabalhando na discussão de candidatura única na cidade, mas devido à forma como os partidos estão se posicionando o debate sobre o assunto deverá ser encerrado já neste mês de abril. Ampere poder ter o maior número de candidatos da história da cidade, no mínimo três.

PT de Pranchita lança Marcos Michelon como pré-candidato a prefeito

O PT de Pranchita, em reunião do Diretório Municipal, no dia 26, lançou o nome do líder cooperativista Marcos Michelon como pré-candidato a prefeito com vistas às eleições de outubro de 2008. Marcos é Diretor Presidente da Cresol Pranchita e Coordenador da Base Fronteira do Sistema Cresol. Segundo Marcos, seu nome já vem sendo cogitado há bastante tempo pelo PT no município que agora decidiu oficializar sua pré-candidatura para disputar a eleição majoritária. Para o presidente do PT de Pranchita, Joel Padilha, “o partido já disputou por duas vezes a prefeitura no município, mas nunca as chances de assumir o executivo municipal foram tão boas quanto agora”. Para ele “o governo Lula vem se empenhando muito para o desenvolvimento e crescimento da economia brasileira, principalmente fortalecendo os pequenos municípios, e Pranchita não pode ficar à margem das políticas do governo federal. Queremos o bem do nosso município e de sua população e este é o momento de fazer a grande diferença na política de Pranchita”. O PT de Pranchita está discutindo também nomes que irão concorrer a Câmara de Vereadores. Para Joel Padilha o partido vem mantendo contatos com outras siglas partidárias do município visando uma ampla aliança para disputar as eleições municipais. “Estamos no caminho certo, e com certeza, Pranchita terá uma excelente opção de escolha para governar e retomar a credibilidade do município”, salientou o presidente do PT de Pranchita.

Pesquisa da Radar indica que se a eleição fosse hoje, prefeito Luiz Carlos Gotardi seria reeleito
Pesquisa da Radar Estatística revela que o prefeito de Salto do Lontra Luiz Carlos Gotardi (PMDB) seria reeleito se a eleição fosse entre os dias 20 e 24 de março, época do levantamento.
Na hipótese remota de oito candidaturas atrás do voto — o prefeito, o vice-prefeito Dalvo Koerichs (PP), vereador Vanderlei Bassanesi o Vandeco (PR), administrador Maurício Baú (PDT), vereador Vieirinha (PPS), Empresário Lindomar Costa, Médico Dr.Celso Cavinatto, Ex-prefeito José Nazário e Cooperativista Maximino Beal —, Luiz Carlos teria 40%, e os demais em empate técnico, variando de 3% a 7%. A margem de erro é de 4,6 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Na espontânea, quando o entrevistado não recebe nenhuma relação de nomes e deve votar pela sua memória, Luiz Carlos lidera com 22%. Entre os demais, o mais lembrado é o vereador Vandeco, com 2%.
Nos confrontos de bate chapa, nas seis simulações estimuladas, o prefeito sempre liderou com folga, variando de 56% a 62%. Maurício e Vieira, com 18% são os mais bem colocados nessas conjecturas.
A pesquisa perguntou também sobre o futuro. Para 69%, Luiz Carlos deve ser candidato à reeleição em outubro, contra 23% que são contra. Ele receberia o ``voto certo´´, de acordo com a Radar, de 44% do eleitorado. Outros 25% entram na categoria do ``poderia votar´´.
Para 82%, o advento da candidatura única em 2004 foi positivo  para o município, mas o percentual cai 12 pontos — 60% — entre os favoráveis a um único nome para 2008.
A pesquisa foi encomendada pelo Jornal de Beltrão e registrada sob o número 013/2008 na Justiça Eleitoral (Cartório Eleitoral da zona 162 da Comarca de Salto do Lontra). O levantamento entrevistou 299 pessoas maiores de 16 anos, obedecendo aos critérios de  proporcionalidade geográfica, de renda, escolaridade educação bem como entre os sexos e faixa etária. O trabalho tem um intervalo de confiança de 95%, isto significa dizer que se feito com a mesma metodologia, o resultado estará dentro da margem de erro de 4,6 pontos em 95 vezes. A responsabilidade é de Antonio Geraldo Topanotti e do estatístico José Mario Lima  (Conre  8159-A).

Página 24 de 25
Top