Caminhada alerta sobre o combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes

Na quarta-feira (25), foi realizada na Avenida dos Pinheiros, a Caminhada de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de crianças e adolescentes, com a participação das equipes das Secretarias de Assistência Social e Educação, CRAS, Proteção Especial, Conselho Tutelar, crianças e adolescentes do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, alunos da UNATI – Universidade Aberta à Terceira Idade, da Rede Estadual, da APAE e Polícia Militar.

A caminhada faz parte da Campanha Maio Laranja, que busca combater o crime de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes. A Campanha alerta para o cuidado com as crianças e incentiva no caso de suspeitas, a denúncia através do disque 100.

O evento seria realizado no dia (18) de maio, mas foi adiado devido ao clima.

 

POR QUÊ 18 DE MAIO?

 

É o Dia Nacional de Combate, a data foi instituída pela Lei Federal 9.970/00 com base no “Crime Araceli”, ocorrido em 18 de maio de 1973, em Vitória (ES). Na ocasião, a menina Araceli, de 8 anos, foi raptada, drogada, violentada, morta e carbonizada por jovens de classe média da cidade, que nunca foram punidos. Desde 2000, as ações que marcam este dia visam mobilizar os diferentes setores da sociedade, governos e mídia sobre a urgência da proteção dos direitos de meninas e de meninos.

SÍMBOLO

Um dos movimentos sobre o tema é a Campanha Faça Bonito, que tem como símbolo uma flor amarela, como uma lembrança dos desenhos da primeira infância, além de associar a fragilidade de uma flor com a de uma criança.

Ler 133 vezes
Entre para postar comentários
Top