Política - Jornal Novo Tempo

Fonte: Superior Tribunal Federal

Com o fim a prisão civil do depositário infiel, viraram pó (no Brasil) todas as hipóteses de prisão civil em razão de depósito. Nenhuma norma que cuida desse tipo de prisão civil continua válida. Acham-se vigentes, mas perderam a validade.

As novidades neste ano são a ampliação das atividades exercidas por micro e pequenas empresas com direito ao benefício e a possibilidade de parcelamento de dívidas tributárias em até 100 parcelas

Contas rejeitadas, compra de votos, transferência de domicílio eleitoral na tentativa de se manter no poder, mal uso de recursos públicos.

O prefeito reeleito Norberto Goedert de Nova Esperança do Sudoeste, vai para o 3º mandato no município. Para ele, a experiência adquirida fará a diferença. “A nossa vida é um eterno aprender. Cada mandato soma experiências para fazermos sempre mais e melhor. Estamos sempre aumentando o conhecimento e sabemos com precisão as maiores necessidade da nossa comunidade”, disse.
Rubem Foletto (PDT) foi eleito em Nova Prata do Iguaçu com 58,85% dos votos válidos. Unindo nove partidos e grupos políticos com diversas lideranças locais e regionais, o prefeito eleito afirmou que a sua administração será marcada pelo progresso.
Um fato histórico marcou o pleito eleitoral deste ano em Salto do Lontra. O atual prefeito Luiz Carlos Gotardi foi o nome escolhido por todos os partidos políticos para ser o candidato único do município, indo para a reeleição. Gotardi também foi destaque no Sudoeste por mudar a cara do município, promovendo o desenvolvimento em diversos setores do poder público.

Dia 18 de dezembro, aconteceu a diplomação dos eleitos dos municípios de Salto do Lontra, Nova Esperança do Sudoeste e Nova Prata do Iguaçu.

Reeleito com uma expressiva votação, o prefeito de Santa Izabel do Oeste, Olívio Brandelero, foi destaque no Sudoeste do Paraná pelo amplo progresso promovido na cidade.
Eduardo Gaievski, prefeito reeleito em Realeza também recebeu o diploma referente ao resultado das eleições municipais de 2008.
O advogado Flávio Penso, após ocupar durante oito anos o cargo de prefeito de Ampére, retorna a prefeitura de Ampére a partir de 2009.
Top